24/01/2019

Frango: associação de SC projeta maior oferta após suspensão Saudita

De acordo com a entidade, alguns estados devem ter excedente interno do produto e será preciso buscar novos mercados para o produto brasileiro

Após a suspensão de importação de carne de frango brasileira imposta pela Arábia Saudita, a Associação Catarinense de Avicultura (Acav) afirmou que alguns estados devem ter oferta interna excessiva do produto que antes era destinado à exportação.


A Acav ainda recomenda o envio de uma missão oficial à Arábia Saudita, com representantes da indústria e do governo, para estabelecer negociações que levem à superação do impasse.Diante disso, a entidade ressalta a importância de buscar novos compradores para a carne de frango brasileira. “Nesse cenário, torna-se urgente a abertura de novos mercados em uma ação coordenada do setor privado com os ministérios da Agricultura e das Relações Exteriores”, informou em comunicado.

 

Fonte: Canal Rural